29/07/05

Submissa

Luta por ti, pelo que pensas, pelo que queres. Não deixes mais que aquelas palavras doces mudem o rumo do teu caminho. Liberta-te, afirma-te, vence. Abriga-te na tua vontade sempre mais do que na submissão. Deixa para ti a decisão final, escolhe quem amas e quem admiras. Mesmo que erres, saberás que és dona de ti mesma. E se nada disto fizeres, estarei igualmente aqui, à espera que um dia abras os olhos e possas então dizer-me Olá.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial