27/02/06

Lutar por nunca perder

"Nunca te quero perder", dizemos num sussurro... Há muito que o "nunca" e o "sempre" me enganam e traem. Lembro que deixei de lhes dar valor. Mas há algo que podemos fazer incessantemente para que eles tenham o seu quê de real... Lutar por nunca perder, por ter para sempre.

Se algum dia o nosso abraço não for tão forte, decerto lembrar-nos-emos daquela noite fria. Pensava estar preparada para tudo. O que poderia correr pior, continuar a ter a tua amizade? Seria de qualquer forma um orgulho para mim.
Não queria sentar-me à mesa de um café, precisava de olhar para ti num cenário em que eu pudesse acreditar que o mundo, naquele momento, eramos nós e a paisagem envolvente. Estavas a pensar no mesmo e foi assim que aconteceu. Quando paraste o carro senti-me livre, talvez a água, talvez o silêncio e quem sabe a tua presença me fizessem sentir assim.
Depois veio a timidez dos apaixonados... Não imaginas o quanto me apetecia beijar-te no meio daquele silêncio de palavras. Apenas a música tocava, e foi ela, a música, que nos ajudou a dar um passo, e depois outro... A música, não é ela o grande cupido da nossa história?

1 Comentários:

Blogger mia_twix disse...

hihi =')

*

9:59 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial