25/08/08

"Toda a poesia é luminosa, até
a mais obscura.
O leitor é que tem às vezes,
em lugar de sol, nevoeiro dentro de si ..."

Eugénio de Andrade

4 Comentários:

Blogger Lua disse...

Esse poema é lindo... ADOREI!

2:52 da tarde  
Blogger Feel disse...

Tudo o que possa dizer, pode ser usado contra mim...LOL

10:40 da tarde  
Blogger Lua disse...

nem te respondo...

11:45 da manhã  
Blogger Feel disse...

A quem? A mim?
Estou na galhofa!
Espero que não façamos destes comentários, tema para mais um debate "profundo"!
Estou numa onda "peace & love"! LOL

1:57 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial