26/05/05

Tempo

Temos tantas maneiras de ser .
Ou até só temos UMA maneira de ser mas tantas maneiras de olhar.

Já quantas Luas nos viram de costas voltadas? .... sabendo elas que o Tempo tudo cura .

Gosto que assim seja .

Gosto de me portar assim e sentir que Tu também te portas como Eu.
Depois da tempestade , avançamos com calma , como naquela brincadeira quando era puto : "Mamã dá licença ? Quantos passos?" ... assim continuamos até uma próxima tempestade.
Sim , porque é inevitável uma próxima tempestade . Está-nos no sangue .

... e que importa isso? ... se é tudo uma questão de tempo ?!

2 Comentários:

Blogger Kelloguita disse...

Achei curioso o facto de me rever no texto que escreveste! Como é que é possivel pessoas diferentes em situaçoes diferentes e em sitios diferentes sentirem as mesmas coisas?
Aquilo que disseste é aquilo que sinto neste momento e mesmo que quisesse, nao conseguiria expressar tao bem como tu!

4:04 da manhã  
Blogger ZeoX disse...

No fundo todos somos feitos da mesma rude matéria. No fundo, não somos tão diferentes assim. Todos sujeitos às mesmas leis, às mesmas pressões, ao mesmo Tempo...

4:33 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial